Netflix ganha 10 milhões de assinantes no 2º trimestre

A Netflix divulgou nesta 5ª feira (16.jul.2020) o balanço financeiro do 2º trimestre. O resultado mostrou que o isolamento fez bem para a rede de streaming, que ganhou 10,1 milhões de assinantes globais de abril a junho. Acima dos 8,3 milhões previstos pela empresa.

O crescimento da base de usuários segue o resultado do 1º trimestre, com dados em grande parte sem influência da pandemia da covid-19. De janeiro a março deste ano, a Netflix ganhou 15,8 milhões de novos assinantes, aumento recorde para a empresa.

Para o 3º trimestre, contudo, a previsão é pessimista. A companhia afirmou que espera adicionar 2,5 milhões de espectadores pagos até setembro, cerca de 1/4 do registrado no último balanço. É menos da metade do esperado pelo mercado.

Se no quesito audiência a maior plataforma de streaming foi bem, financeiramente os números decepcionaram. Apesar de ter lucrado US$ 720 milhões no 2º trimestre –alta de 265% em relação ao mesmo período de 2019– o resultado foi aquém do esperado.

O ganho por ação foi de US$ 1,59 ante US$ 1,81 que era previsto para os últimos 3 meses. Para o próximo trimestre, a expectativa é de quase US$ 1 bilhão em ganhos (US$ 954 milhões).

A receita, por outro lado, superou em pequena margem a previsão. Foi de US$ 6,15 bilhões, cerca de US$ 70 milhões acima da projeção feita pela companhia.

Produções mantidas e boom em 2021

Apesar da pandemia ter afetado os processos de produção e filmagem das séries e filmes da Netflix, a plataforma informou que praticamente todos os lançamentos previstos para este ano estão mantidos.

Mesmo assim, as medidas de prevenção no combate ao coronavírus fizeram a empresa colocar na gaveta alguns títulos já confirmados. Por isso, a empresa afirmou que o volume de estreias será mais no ano que vem, com um 2º semestre mais inchado devido ao acumulo de produções em stand by.

Fonte: Poder360